"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Animação Cultural

2ª Edição de Estar em Casa

Há muito sol, mas não queremos fazer sombra à praia. Nesta nova edição, Estar em Casa é um brilho, duna, areal, alpendre, barco, avião com mensagem, festa de verão. No âmbito dos 125 anos do Teatro São Luiz, vamos fazer uma celebração imparável e aberta ao público.

12 Jul a14 Jul

São Luiz Teatro Municipal
Rua António Maria Cardoso, 38, 1200-027 Lisboa


Em todos os cantos, uma partilha; em todas as pessoas convidadas, um tesouro. A festa não vai ser linda: VAI SER INCRÍVEL! 

ANABELA MOTA RIBEIRO e ANDRÉ E. TEODÓSIO 

PROGRAMA

SEXTA, 12 JULHO 

20h
Conversa
À VOLTA DESTA CASA, NESTA CASA
com Fernando Cabral Martins, Irene Flunser Pimentel e Jorge Salaviza
Moderadores: Anabela Mota Ribeiro e André e. Teodósio

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/6
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Começamos por entender que Teatro é este que se encontra entre a antiga sede da Pide e a primeira casa de Fernando Pessoa. Jorge Salaviza, diretor responsável pelo reerguer xtròrdinário deste Teatro, Irene Flunser Pimentel, Prémio Pessoa e a maior historiadora sobre o período político ditatorial português, e Fernando Cabral Martins, escritor e especialista da literatura modernista Portuguesa, vão traçar linhas de pensamento para o entendimento geográfico, temporal e social desta casa.

21h30
Cinema
VERDES ANOS
de Paulo Rocha
Estreia da cópia restaurada com supervisão de Pedro Costa
Apresentação: professor Bragança de Miranda

Sala Luis Miguel Cintra
Público-alvo: m/12
Entrada livre, com levantamento de bilhete no próprio dia

Filme ímpar e importante da cinematografia portuguesa, que foi aqui estreado no Teatro São Luiz e que urge mostrar de forma a repensarmos os processos de urbanização, êxodo e gentrificação dos espaços sociais.

21h30
Teatro
ENCICLOPÉDIA X
de Cão Solteiro & Afonso Cruz

Sala Mário Viegas
Público-alvo: m/18 (consumo obrigatório de cerveja; fuma-se durante o espetáculo)
€7 COMPRAR BILHETE

Uma casa é também um espaço de intimidade e recolha. Neste espetáculo, a casa performa-se enquanto espaço seguro para potencializar experiências de vida até à morte, e o corpo revela-se enquanto casa insegura para a multiplicação de outras formas de vida fermentadas nos seus ambientes próprios, fazendo da transição a sua casa nómada. E como é verão, não faltam cervejas nesta enciclopédia!

22h30–2h
FESTA DE INAUGURAÇÃO
Marta Pedroso + Luís Clara Gomes

Sala Bernardo Sassetti
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Numa casa a celebrar-se, uma festa de aniversário com uma battle entre Marta Pedroso, uma das funcionárias do Teatro mais incríveis e talentosas que nas horas vagas do Teatro é DJ, e o músico Luís Clara Gomes, que não é lá de casa. Este primeiro dia é uma casa de amores diversos e de lutas unificadas. Viva o São Luiz.

SÁBADO, 13 JULHO

10h30–0h30
OBRAS DE ARTE
Ana Pérez-Quiroga, Bruno Bogarim, João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira

Vários espaços do Teatro
Entrada livre

Durante todo o tempo, encontramos pelo espaço obras de arte dos artistas Ana Pérez-Quiroga, Bruno Bogarim, João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira, que pensam o decorativo, a performance, as extensões tecnológicas (com o telemóvel já não é preciso fugir do quarto!), os símbolos identitários e até a produção teatral.

10h30
AULAS EM CASA: CESÁRIO VERDE EXPLICADO ÀS CRIANÇAS
por Inês Fonseca Santos

Janelão da Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: 6-12 anos
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Numa casa também se estuda muito e há quem tenha aulas. O foco desta Escola de Verão está no interior. Todas as aulas são dadas pelos melhores mestres! Nesta aula, Inês Fonseca Santos, poeta e jornalista, explica a obra de Cesário Verde às crianças.

10h30
AQUECIMENTO
com Romeu Runa

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/6
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

No segundo e terceiro dia acordamos com aquecimento. Romeu Runa, um dos bailarinos portugueses mais conceituados no mundo, e João dos Santos Martins, um dos nomes da coreografia mais internacionais do momento, oferecem-nos dois aquecimentos diferentes: um servirá para corrermos atrás das bebidas na nossa praia seca no Picadeiro e o outro para dar um pé de dança em todos os momentos musicais. Descubra qual é qual, que o nosso desporto é este bailarico!

10h30
Workshop de desenho
DESENHAR PAREDES
com Mariana Malhão

Fora de portas: Centro Nacional de Cultura
Público-alvo: 6-12 anos
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Depois das aulas e aquecimento, para libertar ainda mais a cabeça e os braços, temos uns cursos de pintura bem à maneira com as artistas plásticas Mariana Malhão e Yara Kono, que partilham a melhor maneira dos mais pequenos pintarem as paredes. Pronto, na verdade pintam-se folhas. Mas muitas para preparar para o outono!

11h
AULAS EM CASA: RACISMO EXPLICADO ÀS CRIANÇAS
por Mamadou Ba

Janelão da Sala
Bernardo Sassetti
Público-alvo: 6-12 anos
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Numa casa também se estuda muito e há quem tenha aulas. O foco desta Escola de Verão está no interior.Todas as aulas são dadas pelos melhores mestres! Nesta aula, Mamadou Ba, dirigente da associação SOS Racismo, explica o racismo às crianças.

11h
VISITA GUIADA
por Margarida Folque Guimarães

Foyer
Público-alvo: m/6
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Queremos que toda a gente conheça os cantos à casa, temos visitas guiadas de todos os tipos. De quem conhece bem o teatro e as suas histórias a quem o reinventa nas suas músicas e até mesmo a quem o quer vender! Anfitriã: Margarida, uma menina de 13 anos.

11h30
Workshop de desenho
DESENHAR PAREDES
com Yara Kono

Fora de portas: Centro Nacional de Cultura
Público-alvo: 6-12 anos
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Depois das aulas e aquecimento, para libertar ainda mais a cabeça e os braços, temos uns cursos de pintura bem à maneira com as artistas plásticas Mariana Malhão e Yara Kono, que partilham a melhor maneira dos mais pequenos pintarem as paredes. Pronto, na verdade pintam-se folhas. Mas muitas para preparar para o outono!

12h–2h
PRAIA SECA
Largo do Picadeiro
Entrada livre

Venha mergulhar (toda a nudez não será castigada) e tomar um drink (não tem de ser Piña Colada) onde o unicórnio nos banha com o seu arco-íris.

12h
AULAS EM CASA PARA ADULTOS: O INTERIOR EM CLARICE LISPECTOR
por Carlos Mendes de Sousa

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/12
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Como numa casa também se estuda muito e há quem tenha aulas, este ano decidimos estender as aulas de crianças a alunos adultos. O foco desta Escola de Verão é o interior. Todas as aulas são dadas pelos melhores mestres! Nesta aula, Carlos Mendes de Sousa, professor na Universidade do Minho e especialista na obra de Clarice Lispector, fala sobre a escritora.

13h
AULAS EM CASA PARA ADULTOS: O INTERIOR DE UMA MÚMIA (A SACERDOTISA EGÍPCIA TABAST)
por Rogério Sousa

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/12
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Como numa casa também se estuda muito e há quem tenha aulas, este ano decidimos estender as aulas de crianças a alunos adultos. O foco desta Escola de Verão é o interior. Todas as aulas são dadas pelos melhores mestres! Nesta aula, o egiptólogo Rogério Sousa explica o interior de uma múmia.

14h
Palestra/performance
¿DE QUÉ CASA ERES?
de Ana Pérez-Quiroga

Sala Mário Viegas
Público-alvo: m/12
Entrada livre, com levantamento de bilhete no próprio dia

Lembrando que há corpos em constante deslocação, sem paredes e sem teto, por vezes por decisão própria, outras vezes por imposição, encontramos na performance de Ana Pérez-Quiroga decorrente da sua obra ¿De qué casa eres? uma reflexão sobre refugiados e crianças de guerra na experiência da sua mãe arrancada a seus pais e enviada em exílio para a Rússia (os chamados “Niños de Russia”) durante a guerra civil espanhola que deu lugar ao franquismo. A ideia de não se ter casa e o trauma associado a esses momentos.

14h
VISITA GUIADA
por Cátia Nunes

Foyer
Público-alvo: m/6
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Queremos que toda a gente conheça os cantos à casa, temos visitas guiadas de todos os tipos. De quem conhece bem o teatro e as suas histórias a quem o reinventa nas suas músicas e até mesmo a quem o quer vender! Anfitriã: Cátia Nunes, agente imobiliária.

14h–20h
CHÁ DE PANELA
Angariação de fundos para NAAAS – Núcleo de Apoio aos Animais Abandonados de Sintra

Camarotes
Público-alvo: todas as idades e carteiras
Entrada livre

Todos os dias há leilão e recolha de fundos da NAAAS – Núcleo de Apoio aos Animais Abandonados de Sintra, associação fundamental na recolha, apoio e reintegração de muitos animais, para que possam continuar o seu trabalho incrível de hospedagem, reabilitação, acolhimento e apoio.

14h30–19h30
Performance
DANÇA CONCRETA
de Daniel Pizamiglio

Vários espaços do Teatro
Público-alvo: m/6
Entrada livre

Uma performance-visual que se expande tentando encontrar os contornos da sua possibilidade no encontro da dança com a poesia. Materializando-se entre pessoas, objetos soltos e paredes, reclamando todos os fatores para um movimento perpétuo e encontrando paralelismos em todas as formas, o esqueleto emerge como uma obra arquitetónica a osso e fogo!

15h
Conversa
CASA-IMPÉRIO REVISITADA
com Joacine Katar Moreira, Pedro Lopes de Almeida e Pedro Schacht
Moderação: Rita Natálio

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/6
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

De diferentes maneiras, Joacine Katar Moreira, doutora em Estudos Africanos, Pedro Lopes de Almeida, doutorando da Brown University, e Pedro Schacht, professor na Ohio University, estudam as mesmas questões: o colonialismo, o racismo, os fenótipos.

15h30–18h
CONSULTÓRIOS
Cartas de amor por Isabela Figueiredo
Desenhos de amor por André Tecedeiro
Tarot por Gisela Casimiro
Consultório poéticosentimental por Maria Mendes
Consultório fotográfico por Estelle Valente

Camarotes
Público-alvo: m/6
Entrada livre, por ordem de chegada

As casas, com a alteração dos regimes de produção, são cada vez mais ser locais de trabalho. De consultórios a atelier artístico, no Estar em Casa temos de tudo.

16h30
Cinema
NO TRILHO DOS NATURALISTAS: ANGOLA
de André Godinho

Sala Mário Viegas
Público-alvo: m/6
Entrada livre, com levantamento de bilhete no próprio dia

André Godinho apresenta o seu filme No trilho dos naturalistas: Angola, documentário onde ficamos a conhecer como Angola, país que visitou pela primeira vez em 2013, no encalço do naturalista Luís Wittnich Carrisso. Este, nos anos 1920/1930, percorreu Angola onde efetuou o primeiro levantamento da flora que culminou num herbanário, casa de cristal de muita flora, que se encontra hoje no Jardim Botânico de Coimbra.

17h
Conversa
MEMÓRIA DAS CASAS
Joana Mortágua, Mariana Mortágua, Manuela Correia e Marta Mateus
Moderador: Pedro Santos Guerreiro

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/6
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

As conversas, marco importante do ambiente casa, são fulcrais na nossa programação. Sábado e domingo temos conversas a partir da memória da(s) casas(s). A casa onde se começa (as gémeas Joana e Mariana Mortágua tiveram uma mesma casa-corpo da mãe), a casa-Tempo, infância e velhice, que está no filme de Marta Mateus Farpões, Baldios, a casa corpo-próprio, a casa dos pais onde se aprende a ver, a pensar, em comum, em separado, a casa estrutura arquitetónica, a casa espaço político, heterogénea, em desconstrução.

17h
VISITA GUIADA
por Vasco Araújo

Foyer
Público-alvo: m/6
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Queremos que toda a gente conheça os cantos à casa, temos visitas guiadas de todos os tipos. De quem conhece bem o teatro e as suas histórias a quem o reinventa nas suas músicas e até mesmo a quem o quer vender! Anfitrião: o artista plástico Vasco Araújo.

17h30
Teatro/performance
LOST IN CYBERIA PRO1.2
de João Estevens

Subpalco
Público-alvo: m/16
€7 COMPRAR BILHETE

Debaixo do palco, João Estevens apresenta uma performance que, tendo como grande plano o planeta-casa e como ação a visita de alguns locais por geotecnologia, nos ativa processos naturalizados de saída do planeta como forma de domínio planetário e galáctico. As várias colonizações foram assim feitas por geoestratégia e sequente domínio territorial.

18h30
Conversa
IMAGENS DO PASSADO
Com Ana Kiffer, José Gil e Susana Sousa Dias
Moderador: Paulo Alves Guerra

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/6
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

As conversas, marco importante do ambiente casa, são fulcrais na nossa programação. Sábado e domingo temos conversas a partir da memória da(s) casas(s). A professora da PUC-Rio Ana Kiffer, o filósofo José Gil e a cineasta Susana Sousa Dias falam de imagens do passado.

18h30
CLUBE DE LEITURA: O ARQUITECTO
de Rui Tavares

Oficinas técnicas
Público-alvo: m/12
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Para quem gosta também de falar e quer intervalar o ouvir, o historiador Rui Tavares faz uma leitura conjunta com o público da sua peça O Arquitecto. A palavra a quem a tem!

21h
Teatro/performance
A IMPORTÂNCIA DE SER ANTÓNIO DE MACEDO
de Miguel Bonneville

Sala Luis Miguel Cintra
Público-alvo: m/16
€7 COMPRAR BILHETE

A reposição de espetáculos é uma forma de não deixar cair em esquecimento parte fundamental do património imaterial das artes performativas. A Importância de Ser António Macedo é a primeira obra da sua série em torno de artistas importantes para o seu percurso que neste caso incide sobre um realizador que morreu recentemente e cuja obra foi estranhamente esquecida no país. As casas também são altares e este espetáculo é uma justa homenagem a alguém que nunca desistiu de fazer do seu país enquanto casa, um espaço fantástico.

22h
Dança/Performance
ASSOMBRO
de Ana Rita Teodoro

Sala Mário Viegas
Público-alvo: m/16
€7 COMPRAR BILHETE

Estreia em Lisboa de Assombro, espetáculo de Ana Rita Teodoro que tem como ponto de partida a fantasmagoria histórica que ao mesmo tempo que nos pode restringir também nos pode libertar. Construído a partir de tableaux vivants e de canções do repertório musical tradicional português, evocam-se e reativam-se fantasmas estruturares da identidade de forma a executar uma transgressão escapatória sem ser pela demissão de lidar com esses materiais.

23h–0H30
Música/Festa
ANIVERSÁRIO DA MATERNIDADE
por músicos diversos

Sala Bernardo Sassetti
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

No final do segundo dia, acabamos com a Festa de Aniversário dos 5 anos da Maternidade, casa-associação embrionária de muitas iniciativas e artistas de diversas modalidades musicais como Filipe Sambado, Luís Severo, Raquel Serra, Jasmim, April Marmara, Calcutá e Vaiapraia. Uma Festa de Verão Alternativa meets Festa de Aniversário com bebidas, foguetes, festa e muita música. Vamos lá cantar os parabéns com Coro da Maternidade, Van Ayres, Aurora Pinho e muitos mais músicos!

DOMINGO, 14 JULHO

10h30–1h
PRAIA SECA
Largo do Picadeiro
Entrada livre

Venha mergulhar (toda a nudez não será castigada) e tomar um drink (não tem de ser Piña Colada) onde o unicórnio nos banha com o seu arco-íris.

10h30–22h
OBRAS DE ARTE
Ana Pérez-Quiroga, Bruno Bogarim, João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira

Vários espaços do Teatro
Entrada livre

Durante todo o tempo, encontramos pelo espaço obras de arte dos artistas Ana Pérez-Quiroga, Bruno Bogarim, João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira, que pensam o decorativo, a performance, as extensões tecnológicas (com o telemóvel já não é preciso fugir do quarto!), os símbolos identitários e até a produção teatral.

10h30
AULAS EM CASA: HOPPER EXPLICADO ÀS CRIANÇAS
por Pedro Faro

Janelão da Sala
Bernardo Sassetti
Público-alvo: 6-12 anos
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Numa casa também se estuda muito e há quem tenha aulas. O foco desta Escola de Verão está no interior. Todas as aulas são dadas pelos melhores mestres! Nesta aula, Pedro Faro, curador e historiador de arte, explica a pintura de Hopper às crianças.

10h30
AQUECIMENTO
com João dos Santos Martins

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/6
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

No segundo e terceiro dia acordamos com aquecimento. Romeu Runa, um dos bailarinos portugueses mais conceituados no mundo, e João dos Santos Martins, um dos nomes da coreografia mais internacionais do momento, oferecem-nos dois aquecimentos diferentes: um servirá para corrermos atrás das bebidas na nossa praia seca no Picadeiro e o outro para dar um pé de dança em todos os momentos musicais. Descubra qual é qual, que o nosso desporto é este bailarico!

11h
AULAS EM CASA: O SEXO EXPLICADO ÀS CRIANÇAS
por Emílio Salgueiro

Janelão da Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: 6-12 anos
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Numa casa também se estuda muito e há quem tenha aulas. O foco desta Escola de Verão está no interior. Todas as aulas são dadas pelos melhores mestres! Nesta aula, o psicanalista Emílio Salgueiro explica o sexo às crianças.

11h
VISITA GUIADA
por Rita e Catarina Almada Negreiros

Foyer
Público-alvo: m/6
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Queremos que toda a gente conheça os cantos à casa, temos visitas guiadas de todos os tipos. De quem conhece bem o teatro e as suas histórias a quem o reinventa nas suas músicas e até mesmo a quem o quer vender! Anfitriãs: as arquitetas (e irmãs) Catarina e Rita Almada Negreiros (nota que não é de rodapé: o Manifesto Futurista de Almada Negreiros foi apresentado no São Luiz).

12h
AULAS EM CASA PARA ADULTOS: DEMOCRACIA E ESTADO DE DIREITO
por José António Pinto Ribeiro

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/12
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Como numa casa também se estuda muito e há quem tenha aulas, este ano decidimos estender as aulas de crianças a alunos adultos. O foco desta Escola de Verão é o interior. Todas as aulas são dadas pelos melhores mestres! Nesta aula, o advogado José António Pinto Ribeiro explica a democracia e o estado de direito.

13h
AULAS EM CASA PARA ADULTOS: A CASA DE LINA BO BARDI
por Zoy Anastassakis

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/12
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

Como numa casa também se estuda muito e há quem tenha aulas, este ano decidimos estender as aulas de crianças a alunos adultos. O foco desta Escola de Verão é o interior. Todas as aulas são dadas pelos melhores mestres! Nesta aula, Zoy Anastassakis, professora universitária e doutora em Antropologia e Design, fala sobre a arquiteta modernista, brasileira de origem italiana Lina Bo Bardi.

14h
VISITA GUIADA
por Cláudia Jardim

Foyer
Público-alvo: m/6
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Queremos que toda a gente conheça os cantos à casa, temos visitas guiadas de todos os tipos. De quem conhece bem o teatro e as suas histórias a quem o reinventa nas suas músicas e até mesmo a quem o quer vender! Anfitriã: a atriz Cláudia Jardim.

14h–20h
CHÁ DE PANELA
Angariação de fundos para NAAAS – Núcleo de Apoio aos Animais Abandonados de Sintra

Camarotes
Público-alvo: todas as idades e carteiras
Entrada livre

Todos os dias há leilão e recolha de fundos da NAAAS – Núcleo de Apoio aos Animais Abandonados de Sintra, associação fundamental na recolha, apoio e reintegração de muitos animais, para que possam continuar o seu trabalho incrível de hospedagem, reabilitação, acolhimento e apoio.

14h30
Teatro
OS LIVROS DO REI
de Raimundo Cosme/Plataforma 285

Sala Mário Viegas
Público-alvo: m/3
Entrada livre, com levantamento de bilhete no próprio dia

Um espetáculo sobre a reconstrução de uma cidade depois de um terramoto, sobre a possibilidade de sonhar o impossível e ainda sobre o papel da arte na construção do amanhã.

14h30–19h30
Performance
DANÇA CONCRETA
de Daniel Pizamiglio

Vários espaços do Teatro
Público-alvo: m/6
Entrada livre

Uma performance-visual que se expande tentando encontrar os contornos da sua possibilidade no encontro da dança com a poesia.  Materializando-se entre pessoas, objetos soltos e paredes, reclamando todos os fatores para um movimento perpétuo e encontrando paralelismos em todas as formas, o esqueleto emerge como uma obra arquitetónica a osso e fogo!

15h
Conversa
MELANCOLIA E ADULTÉRIO
com António Feijó, Clara Ferreira Alves e Pedro Mexia
Moderador: Susana Moreira Marques

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/6
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

As conversas, marco importante do ambiente casa, são fulcrais na nossa programação. Sábado e domingo temos conversas a partir da memória da(s) casas(s). E na literatura (como na vida real), no dentro de casa há adultério, ciúme, melancolia… António Feijó, professor de Literatura, Clara Ferreira Alves, escritora e jornalista, e Pedro Mexia, poeta e crítico literário, trazem os seus romances e personagens preferidos.

15h30–18h
CONSULTÓRIOS
Cartas de amor por Tatiana Salem Levy + Carimbaria
Desenhos de amor por Gwendolyn van der Velden
Tarot por Gisela Casimiro
Consultório poético-sentimental por Filipa Leal
Consultório fotográfico por Estelle Valente

Camarotes
Público-alvo: m/6
Entrada livre, por ordem de chegada

As casas, com a alteração dos regimes de produção, são cada vez mais ser locais de trabalho. De consultórios a atelier artístico, no Estar em Casa temos de tudo.

16h
Palestra
VERDES NOMES
de António Gouveia

Sala Mário Viegas
Público-alvo: m/6
Entrada livre, com levantamento de bilhete no próprio dia

António Gouveia, biólogo e investigador em Biodiversidade e Conservação, fala-nos do nome das plantas. Em Verdes Nomes, partilha com o público a história e a comunicação da ciência, de como os nomes nos revelam tanta informação sobre as plantas que decoram as nossas casas como também revelam muitas curiosidades em torno da forma como foram observadas. Esta é também uma das palestras mais verdes que teremos!

17h
Conversa
A MELHOR CASA DE TODOS OS TEMPOS
com Fernanda Fragateiro, Manuel Aires Mateus, Paulo Pires do Vale
Moderador: Bárbara Reis

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/6
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

As conversas, marco importante do ambiente casa, são fulcrais na nossa programação. Sábado e domingo temos conversas a partir da memória da(s) casas(s). A artista plástica Fernanda Fragateiro, o arquiteto Manuel Aires Mateus e o ensaísta e curador Paulo Pires do Vale escolhem as melhores casas de todos os tempos.

17h30
Teatro/performance
LOST IN CYBERIA PRO1.2
de João Estevens

Subpalco
Público-alvo: m/16
€7 COMPRAR BILHETE

Debaixo do palco, João Estevens apresenta uma performance que, tendo como grande plano o planeta-casa e como ação a visita de alguns locais por geotecnologia, nos ativa processos naturalizados de saída do planeta como forma de domínio planetário e galáctico. As várias colonizações foram assim feitas por geoestratégia e sequente domínio territorial.

18h
VISITA GUIADA
por Lívia Nestrovski & Fred Ferreira

Foyer
Público-alvo: m/6
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Queremos que toda a gente conheça os cantos à casa, temos visitas guiadas de todos os tipos. De quem conhece bem o teatro e as suas histórias a quem o reinventa nas suas músicas e até mesmo a quem o quer vender! A dupla brasileira Lívia Nestrovski & Fred Ferreira fará uma visita cantada e acabará o seu percurso num concerto.

18h30
Música
LÍVIA NESTROVSKI & FRED FERREIRA

Sala Mário Viegas
Público-alvo: m/6
Entrada livre, com levantamento de bilhete no próprio dia

Concerto do duo Lívia Nestrovski & Fred Ferreira que, acabadinhos de chegar do Brasil, vêm diretos do aeroporto para o Teatro fazer-nos cair de amores pelo seu repertório musical.

18h30
Conversa
DAR ESPAÇO
com Sheila Khan, Paulo Corte Real, Ana Gomes
Moderador: Nuno Artur Silva

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/6
Entrada livre, sujeita à lotação da sala

As conversas, marco importante do ambiente casa, são fulcrais na nossa programação. Sábado e domingo temos conversas a partir da memória da(s) casas(s). Ana Gomes, política e diplomata, Paulo Côrte-Real, ativista LGBT, e Sheila Khan, professora universitária, doutorada em Estudos Étnicos, discutem sobre a necessidade de dar espaço, abrir à diversidade.

18h30
CLUBE DE LEITURA: DICIONÁRIO
de José Maria Vieira Mendes

Oficinas técnicas
Público-alvo: m/12
Entrada livre, mediante inscrição no próprio dia

Para quem gosta também de falar e quer intervalar o ouvir, o dramaturgo José Maria Vieira Mendes faz uma leitura conjunta com o público da sua peça Dicionário. A palavra a quem a tem!

21h
Performance
FROM AFAR IT WAS AN ISLAND. DE PERTO, UMA PEDRA.
de João Fiadeiro

Sala Luis Miguel Cintra
Público-alvo: m/16
€7 COMPRAR BILHETE

No seguimento, solidários e associados ao fim do espaço Atelier Real, João Fiadeiro apresenta um espetáculo-performance que reativa a herança, o mimetimo, como proto-efeito Kuleshov para evidenciar o processo enquanto estratégia aberta e complexa de criação de comunidades e ontologias diversas bem como espaços de diálogo ou de isolamento simétricos e solidários. Ocupando a sala com os objetos da sua companhia (REAL) que está a ser neste momento objeto de um despejo imobiliário, segue-se um leilão de todos os objetos deslocados e que não têm para onde ir, ou melhor, tal como a performance, os objetos ficarão com quem os levar. Vamos lá adotar!

21h30
Cinema
FAMILIENÄHNLICHKEIT
de Jorge Jácome

Sala Mário Viegas
Público-alvo: m/16
Entrada livre, com levantamento de bilhete no próprio dia

Jorge Jácome, realizador muito premiado pelo mundo por um trabalho cinematográfico que tem quase sempre como ponto de partida espaços de contingência como estratégia de libertação de desejos, apresenta Familienähnlichkeit. É a estreia de uma incursão poética -visual do realizador como quem está por casa em frente ao computador a montar as suas imagens desejadas encontrando relações familiares entre tudo, como indica o título que é um conceito de Wittgenstein.

22h
Teatro
ENCICLOPÉDIA X
de Cão Solteiro & Afonso Cruz

Sala Bernardo Sassetti
Público-alvo: m/18 (consumo obrigatório de cerveja; fuma-se durante o espetáculo)
€7 COMPRAR BILHETE

Uma casa é também um espaço de intimidade e recolha. Neste espetáculo, a casa performa-se enquanto espaço seguro para potencializar experiências de vida até à morte, e o corpo revela-se enquanto casa insegura para a multiplicação de outras formas de vida fermentadas nos seus ambientes próprios, fazendo da transição a sua casa nómada. E como é verão, não faltam cervejas nesta enciclopédia!

23h–1h
FIM DE FESTA NA CASA
João Abreu, Rita Gomes e Ricardo Branco

Largo do Picadeiro
Entrada livre

No último dia a casa é entregue aos MC’s João Abreu, Rita Gomes e Ricardo Branco. Na finissage vamos todos confraternizar e jogar e cantar e dançar nos últimos dias da nossa praia seca.  Depois de dias tão intensos não vai haver chill-out, vai haver chill-in!

>> Mais informações

 

Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para a antestreia do filme O TRAIDOR de Marco Bellocchio

Em parceria com a Alambique Filmes, oferecemos 10 convites duplos para a antestreia do filme que relata a história verídica do maior delator da Máfia italiana, Tommaso Buscetta - o primeiro informador que colaborou com o Juiz Falcone e que deu origem ao Super Processo em que mais de 300 membros da Cosa Nostra foram julgados nos anos 80. Findo o passatempo, anunciamos aqui os nomes dos vencedores.

Visitas
44,507,366