"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Exposições

"CRIATURAS" - Personagens retratadas como um espécie de robô em esculturas, telas e ilustrações

As obras que compõem a primeira exposição de Cardoz são compostas, na sua maioria, por uma base feita de colagens de imagens provenientes de uma pequena coleção da publicação “Vida Mundial”, entre os anos de 1967 e 1969.

8 Mai a1 Jun

Carrasco Art Gallery
Beco Carrasco 12, 1200-096 Lisboa

Portugal

Este é um projeto idealizado por Cardoz que, ao enaltecer as mentes mais criativas, visa despertar a consciência dos observadores para algumas das questões atuais da sociedade: utilização excessiva de dispositivos móveis, a dependência das redes sociais, a inteligência artificial e a sua forma de utilização; um tributo à arte e uma crítica ao tipo de conteúdo visual muitas vezes fomentado através do uso plataformas sociais.

As obras que compõem a primeira exposição de Cardoz são compostas, na sua maioria, por uma base feita de colagens de imagens provenientes de uma pequena coleção da publicação “Vida Mundial”, entre os anos de 1967 e 1969. Estas foram utilizadas de forma a realçar a ideia de cada uma das peças com algumas das questões sociais mais prementes então e porém ainda atuais, como o excesso de produção industrial, machismo ou vigilância global.

Numa técnica mista, Cardiz ilustra depois estas bases com as suas CRIATURAS, às quais dá vida com tinta acrílica, caneta Posca e cola branca. Uma visão da sociedade atual.

Em adição ao projeto, em colaboração com Bernardo Fernandes, o artista apresenta ainda uma versão de uma Criatura em 3D. Uma escultura totalmente feita em PLA.
Agenda
Ver mais eventos
Visitas
39,969,397