"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Colóquios, Conferências e Debates

Caldas da Rainha comemora o meio milénio da morte de Leonardo Da Vinci

O Prof. Catedrático João Caraça  vai proferir uma conferência no próximo dia 22 de março, sob o tema: «500 Anos após o desaparecimento de Leonardo da Vinci: transformações e ruturas societais», para comemorar no nosso país o meio milénio do desaparecimento daquele que  foi um dos maiores génios da Humanidade.

22 Mar   |  21h00

Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha
R. Dr. Leonel Sotto Mayor, 2500-227 Caldas da Rainha
Preço
Entrada livre


Nesta conferência serão abordados os grandes temas atuais do Homem que se podem sintetizar na afirmação “Das invenções de Leonardo à Inteligência Artificial na resposta aos desafios do século XXI”, que este professor universitário, atual Presidente do

Conselho Geral da Universidade de Coimbra, tem investigado nas últimas décadas.

O Prof. Caraça doutorou-se em física nuclear na Universidade de Oxford em 1972 depois de se ter licenciado no Instituto Superior Técnico de Lisboa. A sua carreira universitária e científica passou pela Faculdade de Ciências e pelo Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) da Universidade de Lisboa, tendo sido Presidente do JNICT. Nos últimos anos, para além da sua carreira universitária, foi Diretor dos Serviços de Ciência da Fundação Calouste Gulbenkian e, mais recentemente, Diretor da Delegação Francesa da Fundação em Paris.

O Professor João Caraça é filho do consagrado matemático e ensaísta, Professor Bento de Jesus Caraça, que foi um famoso professor também do Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras (anterior ao ISEG), que faleceu com apenas 48 anos de idade, depois de ter sido expulso da Universidade por Oliveira Salazar, devido à sua atividade cultural, cívica e política de livre pensador. As paredes do ISEG ostentam uma frase bem atual de sua autoria que é o paradigma do seu pensamento: “Se não temo o erro, é porque estou sempre disposto a corrigi-lo.”

Por curiosidade o pai do Professor João Caraça, proferiu em 5 de maio de 1943 uma conferência sobre “Leonardo da Vinci” na Universidade Popular Portuguesa, de que era um dos animadores depois de ter sido perseguido por Salazar. No último período da sua vida, já bastante doente, tinha-se dado ao encargo de publicar uma obra sobre o Génio da Renascença Leonardo Da Vinci.

Esta conferência é organizada pela Gazeta das Caldas, CCC e pelo Conselho da Cidade – Associação para a Cidadania das Caldas da Rainha, e terá início às 21 horas, como das outras duas iniciativas realizadas em anos anteriores, realizadas em colaboração com os Dragões do Oeste, também no CCC, com o Professor João Seixas sobre a descoberta do Bosão de Hiks e o Acelerador de Partículas do CERN e com o professor Prof. Vitor Cardoso sobre Ondas Gravitacionais e o Buraco Negro.

O Professor João Caraça aceitou também no final de 2018 pertencer à Comissão Consultiva da Cátedra da UNESCO “Gestão das Artes e da Cultura, Cidades e Criatividade” da Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha, onde esteve a fazer a oração inaugural dessa cátedra.

Agenda
Ver mais eventos
Visitas
43,000,750