"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Notícias

Anunciados os vencedores dos Prémios do Património Europeu/ Prémios Europa Nostra 2019

Os 25 vencedores de 16 países foram distinguidos pelos seus contributos exemplares em conservação, investigação, serviço dedicado ao património, e educação, formação e sensibilização. 


A Comissão Europeia e a Europa Nostra, representada em Portugal pelo Centro Nacional de Cultura, anunciaram os vencedores dos Prémios do Património Europeu / Prémios Europa Nostra 2019, o mais importante prémio europeu no domínio do património. Os 25 vencedores de 16 países foram distinguidos pelos seus contributos exemplares em conservação, investigação, serviço dedicado ao património, e educação, formação e sensibilização. 

Os vencedores vão receber os prémios numa cerimónia a 29 de outubro, em Paris, durante o Congresso do Património Europeu.

A Europa Nostra também distinguiu países que não participam no Programa Europa Criativa, nomeadamente, na categoria da conservação, o Centro de Escavações Bogaziçi da Universidade de Gözlükule, em Tarsus (Turquia), e na categoria de serviço dedicado foi entregue a uma personalidade da cultura, o suíço Léonard Gianadda.

A partir de agora, cidadãos de todo o mundo podem votar online para o Prémio do Público e angariar apoios para o(s) projeto(s) do seu país ou de outro país da Europa. 

Entre os premiados de 2019 estão: o restauro da Capela do Santo Sudário em Turim, um local icónico do património religioso que foi destruído pelo fogo em 1997 e que agora foi reaberto ao público; o desenvolvimento de um arquivo digital dos romanichéis, um espaço internacionalmente acessível que torna visíveis as culturas e histórias ciganas e responde a estereótipos com uma contra-história, contada pelos próprios ciganos; a dedicação de uma das mais antigas ONG’s de património da Europa, que se comprometeu com a proteção do património na Noruega por mais de 175 anos; e um programa de treino para especialistas deslocados e especializados em património da Síria, administrado por um instituto alemão em Istambul, que serve como um poderoso exemplo para países da Europa e além.

Os Sapadores-Bombeiros de Paris foram galardoados com um Prémio Europa Nostra para o património, pelo reconhecimento do seu papel no combate ao incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame. Este prémio é entregue aos bombeiros, em reconhecimento e admiração pelo seu corajoso e vitorioso combate às chamas que devastaram Notre-Dame de Paris, a 15 de abril de 2019.

“Estou imensamente orgulhoso por felicitar todos os vencedores dos Prémios do Património Europeu / Prémios Europa Nostra de 2019. Estes heróis patrimoniais - profissionais e voluntários de toda a Europa - conseguiram algo verdadeiramente espantoso. O seu trabalho para restaurar, preservar, apoiar ou promover os monumentos e locais históricos da Europa, bem como o património imaterial da Europa, é da mais alta qualidade. Os Prémios são a prova do tremendo impacto que os projetos de património têm sobre a economia, o meio ambiente, a cultura e a qualidade de vida. O património da Europa é um bem fundamental para o futuro da Europa e para a nossa prosperidade. Esta é uma mensagem importante para todos os cidadãos da UE e para todos os futuros líderes das instituições da UE antes das próximas eleições europeias”, afirmou Plácido Domingo, o famoso cantor de ópera e presidente da Europa Nostra.

“A nossa herança cultural é um recurso conjunto, um legado do passado sobre o qual vamos construir o futuro. Tem o seu lugar no coração das pessoas e na sua vida quotidiana - e é crucial na promoção de um sentimento de pertença. O Ano Europeu do Património Cultural que celebrámos em 2018 destacou este importante papel. Agora é nossa tarefa continuar promovendo nos próximos anos. Os vencedores deste ano dos Prémios do Património Europeu / Prémios Europa Nostra estão a desempenhar o seu papel nestes esforços com o seu empenho e a qualidade do seu trabalho, e felicito-os calorosamente”, afirmou Tibor Navracsics, Comissário Europeu para a Educação, Cultura, Juventude e Desporto.

Júris constituídos por peritos independentes analisaram um total de 149 candidaturas, apresentadas por organizações e indivíduos de 34 países de toda a Europa, e selecionaram os vencedores.

Os vencedores serão homenageados na Cerimónia de Entrega de Prémios, co-organizada pelo comissário europeu Tibor Navracsics e pelo maestro Plácido Domingo, sob o alto patrocínio do Presidente da República Francesa, Emmanuel Macron, na noite de 29 de outubro em Paris.

Sete Grandes Prémios (cada um dos quais receberá € 10.000) e o vencedor do Prémio do Público, escolhido entre os projetos vencedores deste ano, serão anunciados durante a Cerimónia.

A Cerimónia dos Prémios Europeus do Património reunirá profissionais do património, voluntários e apoiantes de toda a Europa, bem como representantes de alto nível das instituições da UE, do país de acolhimento e de outros Estados-Membros.

Os vencedores apresentarão as suas iniciativas exemplares durante a Feira de Excelência, no dia 28 de outubro. Contribuirão também para vários outros eventos a decorrer no âmbito do Congresso do Património Europeu, entre os dias 27 a 30 de outubro de 2019.

A chamada para as inscrições na edição de 2020 dos Prémios será publicada em junho de 2019 no site oficial.

VENCEDORES 2019

Categoria Conservação
Castle of Montreuil Bonnin, FRANCE
Fortified Settlement of Mutso, GEORGIA
Chapel of the Holy Shroud, Turin, ITALY
Cathedral of Saint Bavo, Haarlem, THE NETHERLANDS
The Queen Louise Adit Complex, Zabrze, POLAND
Pavilion for the Presentation of Archaeological Remains, Celje, SLOVENIA
Lithica Quarry of s’Hostal, Menorca, SPAIN
Oratory of the Partal Palace in the Alhambra, Granada, SPAIN
The Portal of Glory, Santiago de Compostela, SPAIN
Medieval Tithe Barn, Ingatorp, SWEDEN
Yr Ysgwrn, Trawsfynydd, Wales, UNITED KINGDOM

Categoria Investigação
Solak 1: a Model of Predictive Archaeology, ARMENIA/ITALY
VERONA: Van Eyck Research in OpeN Access, BELGIUM
RomArchive - Digital Archive of the Roma, GERMANY

Categoria Serviço Dedicado ao Património
VVIA - Flemish Association for Industrial Archaeology, BELGIUM
Fortidsminneforeningen – National Trust of Norway, NORWAY

Categoria Educação, Formação e Sensibilização
TUMO Center for Creative Technologies, Yerevan, ARMENIA
History Radar 1938, Vienna, AUSTRIA
Betina Museum of Wooden Shipbuilding, CROATIA
Monument Europe, GERMANY
Stewards of Cultural Heritage, GERMANY
Greek Paths of Culture, Athens, GREECE
Commonlands: Cultural Community Mapping in Alpine Areas, Parco Nazionale Val Grande, ITALY
Le Dimore del Quartetto, Milan, ITALY
A Place at the Royal Table, Warsaw, POLAND

Foram também atribuídos Prémios Europa Nostra a projetos notáveis de dois países europeus que não integram o programa Europa Criativa.

Categoria Conservação
Bogaziçi University Gözlükule Excavation Research Center, Tarsus, TURKEY

Categoria Serviço Dedicado ao Património
Mr. Léonard Gianadda, Martigny, SWITZERLAND

Informação de fundo

Prémio da União Europeia para o Património Cultural / Prémios Europa Nostra 
Prémio do Património Europeu/ Prémios Europa Nostra 2019  foi lançado pela Comissão Europeia em 2002 e tem sido organizado pela Europa Nostra desde então. Este esquema de Prémios celebra e promove as melhores práticas de conservação, pesquisa, gestão, voluntarismo, educação e comunicação na área do património. Desta forma, contribui para o crescente reconhecimento público do património cultural como um recurso estratégico para a economia e a sociedade europeias. Este esquema de Prémios é apoiado pelo programa Europa Criativa da União Europeia.

Nos últimos 17 anos, organizações e indivíduos de 39 países apresentaram um total de 3,032 candidaturas para os Prémios. Em relação ao número de candidaturas por país, a Espanha está em primeiro lugar, com 527 projetos, seguindo-se Itália, com 308 aplicações. O Reino Unido ocupa a terceira posição (299 candidaturas). No que diz respeito às categorias, Conservação tem o maior número de candidaturas (1,744), seguindo-se Educação, Formação e Sensibilização (555), Investigação (381) e, por fim, Serviço Dedicado ao Património (352).

Desde 2002, júris constituídos por peritos independentes selecionaram 512 projetos premiados de 34 países. Em linha com o número de candidaturas, a Espanha lidera a lista com 67 prémios recebidos. O Reino Unido está em segundo lugar com 61 prémios e a Itália ocupa a terceira posição (45 prémios. Em relação às categorias, Conservação tem o maior número de vencedores (291), seguindo-se Educação, Formação e Sensibilização (82), Serviço Dedicado ao Património (76), e, por último, Investigação (63).

Um total de 116 Grandes Prémios, cada um recebendo €10.000, foram entregues aos melhores projetos, selecionados de entre os vencedores.

Europa Nostra
Europa Nostra é a federação pan-europeia de organizações não-governamentais do património, sendo apoiada por uma ampla rede de entidades públicas, empresas privadas e indivíduos. Abrangendo 40 países na Europa, é a voz da sociedade civil empenhada na salvaguarda e promoção do património cultural e natural da Europa. Fundada em 1963, a Europa Nostra é hoje reconhecida como a mais representativa organização do património na Europa. Plácido Domingo, cantor de ópera de renome mundial, é o presidente da organização. A Europa Nostra atua para salvar os monumentos, sítios e paisagens mais ameaçados da Europa, em particular através do programa ‘Os 7 mais ameaçados’; celebra a excelência através do Prémio da União Europeia para o Património Cultural / Prémios Europa Nostra; e contribui para a formulação e implementação de estratégias e políticas europeias relacionadas com o património, através do diálogo estruturado com as instituições da EU e a coordenação da Aliança do Património Europeu 3.3.

Europa Criativa 
Europa Criativa é o programa da União Europeia de apoio aos sectores cultural e criativo capacitando-os de forma a aumentar a  sua contribuição para o emprego e o crescimento. Com um orçamento de 1,46 mil milhões de Euros para o período 2014-2020, o programa apoia organizações que atuam nos domínios do património, das artes cénicas, do cinema, da música e da televisão, entre outros, bem como dezenas de milhares de artistas e profissionais da cultura e do audiovisual. 

Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Visitas
43,697,666