"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Uma Peça | Um Museu

Panji, Máscara de Traje (Indonésia, séc.XX)

Existem muitas formas de teatro dançado e mascarado em Bali, mas o Wayang Topeng é o que apresenta maior variedade de máscaras e de movimentos. 

Uma peça do Museu do Oriente.


Panji
Máscara de Traje
Indonésia, séc.XX
Madeira e pele
32,5 (alt) x 62,5 (larg) x 28 (prof) cm
Museu do oriente, 7ID35
©Fundação Oriente


Existem muitas formas de teatro dançado e mascarado em Bali, mas o Wayang Topeng é o que apresenta maior variedade de máscaras e de movimentos. É realizado durante os odalan (festivais dos templos) e nalguns rituais. A peça começa com a apresentação dos ministros e do ancião (Tua) e prossegue com a entrada do rei, com uma máscara branca e pequenos e elegantes passos. De seguida surgem os palhaços-servos (os panasar), os únicos personagens que falam durante as peças. Algumas das máscaras dos palhaços não possuem maxilar inferior para os atores poderem narrar os eventos das peças. No fim, aparece Sidhakarya, um brâmane que restaurou a prosperidade em Bali e que atira arroz para as quatro direções e água benta sobre o público, num ato simbólico de distribuição de riqueza e fertilidade. O Wayang Topeng da ilha de Java encena sobretudo a história de Panji e, como em Bali, os épicos hindus Ramayana e Mahabharata. Panji é um herói corajoso e sedutor que conquista a princesa Jandra Kirana e vence o seu principal rival, o rei Klana. As máscaras do Wayang Topeng javanês distinguem-se das balinesas no formato dos olhos e nos motivos decorativos.

Agenda
Ver mais eventos
Visitas
45,579,579