"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Ateliers, Cursos e "Workshops"

Curso de Iniciação ao Shakuhachi

O curso contempla os princípios de produção sonora, as dedilhações básicas e os fundamentos do sistema de notação, recorrendo a canções tradicionais japonesas. 

16 Abr a20 Abr

Museu do Oriente
Avenida Brasília | Doca de Alcântara (Norte), 1350-352 Lisboa


Com César Viana

Horário | 17.00 às 20.00
Preço | €70 + € 35 (custo instrumento em pvc)

O shakuhachi é uma flauta de bambu japonesa que era tocada pelos Komuso, monges-samurais que percorriam as estradas do Japão feudal tocando a sua flauta para pedir esmola. Era também usado para a prática de uma forma particular de meditação – o "Suizen" (zen soprado), uma alternativa ao "Sazen" (zen sentado, bastante mais conhecido).

O repertório sagrado original deste instrumento – designado repertório Honkyoku – foi recolhido no século XVIII por Kinko Kurosawa I, que percorreu todo o Japão para o efeito e sistematizou a sua notação. É hoje uma componente fundamental da música clássica japonesa e desperta um crescente interesse junto de músicos e públicos de todo o mundo.

Neste curso poderão aprender-se os princípios básicos de produção sonora, as dedilhações básicas e os fundamentos do complexo sistema de notação do instrumento. Para esta aprendizagem inicial serão utilizadas canções tradicionais japonesas e alguma peça do repertório Honkyoku de menor complexidade.

César Viana estuda shakuhachi desde 2002, sendo desde há alguns anos discípulo do mestre Keisuke Zenyoji, uma das maiores autoridades deste instrumento, herdeiro de linhagens que vão até ao próprio Kinko Kurosawa I.

Este curso integra o programa comemorativo do aniversário da Fundação Oriente e do Museu do Oriente.

Entidade promotora
Fundação Oriente +
Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para o festival Curtas Vila do Conde

Temos o prazer de oferecer convites duplos para sessões da Competição Nacional, a qual reune o melhor do cinema português produzido em 2017 e 2018 em matéria de curta-metragem. Participe e... habilite-se a ser um dos felizes contemplados!

Visitas
34,401,645