"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Jantares-Debate

“O estado do Estado: Estado, Sociedade, Opções”

Carlos Magno será orador convidado em novembro no ciclo de jantares-debate.

28 Nov   |  20h30

Grémio Literário
Rua Ivens, n.º 37, 1200-226 Lisboa


O novo ciclo de jantares-debate, promovido pelo Clube Português de Imprensa, em parceria com o Centro Nacional de Cultura e o Grémio Literário, subordinado ao tema genérico “O estado do Estado: Estado, Sociedade, Opções” prossegue no próximo dia 28 de novembro, sendo o jornalista Carlos Magno, ainda presidente da ERC - Entidade Reguladora para a Comunicação Social, o orador convidado.

Recorde-se que a ERC tem estado na ordem do dia, desde logo pelos sucessivos adiamentos da eleição do seu novo elenco executivo, bem como pela controvérsia gerada à volta da transação da TVI, cuja viabilidade implica um parecer daquela entidade reguladora.

Carlos Magno Castanheira, de seu nome completo, nasceu em Vinhais, Vale das Fontes, Nuzedo de Baixo, frequentou o Liceu Nacional de Chaves e instalou-se no Porto em 1973, onde frequentou Filologia Germânica na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, vindo a formar-se em Jornalismo na Escola Superior de Jornalismo sediada na mesma cidade.

Iniciou-se no jornalismo através da rádio universitária, orientando-se para a informação política como repórter da Antena 1.  Foi um dos fundadores da rádio TSF no Porto e chefiou mais tarde a delegação nortenha do Expresso, assumindo no mesmo semanário a edição da secção Gente.

Foi ainda um dos jornalistas da fundação da SIC, intervindo em programas de informação e entrevistas. Em 1997 passou para o Diário de Notícias, onde foi subdiretor. Integrou os quadros da Lusomundo e foi o responsável pela criação e direção da NTV em 2001.

Lecionou em várias instituições de ensino, como o Instituto Superior de Comunicação Empresarial, e já fez conferências em todas as Universidades Portuguesas e em várias estrangeiras. Carlos Magno também foi professor da Escola Superior de Jornalismo do Porto, onde lançou profissionais da nova geração de jornalistas.

Foi analista político e professor do Instituto de Estudos Superiores Financeiros e Fiscais e, desde novembro de 2011, é o presidente da ERC, organismo que atravessa uma fase conturbada devido à anunciada intenção de venda da TVI. É autor do livro "O Poder visto do Porto".

 

Data e hora: 28 de novembro, às 20h30
Local: Grémio Literário
Informações e inscrições: clube.portugues.imprensa@cnc.pt

Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Visitas
32,238,373