"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Notícias

FALECEU TERESA AMBRÓSIO

Nascida em 1936, licenciada em Físico-Químicas e doutorada em Ciências da Educação, foi professora auxiliar da Universidade Nova de Lisboa e coordenadora do Mestrado em Ciências da Educação na mesma Universidade.

Nascida em  1936, licenciada em Físico-Químicas e doutorada em Ciências da Educação, foi  professora auxiliar da Universidade Nova de Lisboa e coordenadora do Mestrado em Ciências da Educação na mesma Universidade. Foi Presidente do Conselho Nacional de Educação.

O Centro Nacional de Cultura, que teve o privilégio de contar com a colaboração de Teresa Ambrósio em inúmeros projectos ligados à educação e também ao pensamento de Edgar Morin, presta-lhe aqui uma última sentida homenagem.

"Teresa Ambrósio é uma das grandes referências do pensamento educativo em Portugal nos últimos 30 anos. A ela se deve por exemplo, a introdução na Constituição, do direito e da Liberdade de Educar e Aprender e do fim da ideia de que o ensino privado era meramente subsidiário.

Como Presidente do CNE teve um papel decisivo na afirmação do principio da exigência e da qualificação, bem como da aprendizagem como pedra angular da educação permanente e do desenvolvimento.

Como amiga de Edgar Morin foi uma lutadora pelo reconhecimento da importância da complexidade no fortalecimento das relações entre educação, Cultura, e Ciência.

Com o seu desaparecimento fica um vazio impossível de preencher."

Guilherme d’Oliveira Martins

Agenda
Ver mais eventos
Visitas
36,285,835