"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Notícias

Nos 50 anos de Woodstock, dois festivais competem pelo seu legado

Eventos concorrentes estão marcados para agosto, quando se celebra o 50.º aniversário do festival que reuniu 400 mil pessoas no estado norte-americano de Nova Iorque.

Richie Havens atua no segundo dia do Festival de Woodstock, em 1969_Joe Traver/Reuters


O 50.º aniversário do Festival de Woodstock, marco incontornável do movimento hippie dos anos 60, será comemorado em agosto com dois eventos concorrentes.

Michael Lang, co-produtor do festival de Woodstock em 1969, anunciou nesta quarta-feira a realização de um festival no autódromo Watkins Glenn International (que costuma ser palco das competições da NASCAR), no estado de Nova Iorque, entre os dias 16 e 18 de agosto.

Apesar de não ter adiantado nomes, Lang afirma que o evento contará com atuações de mais de 60 artistas, distribuídas por três palcos. O alinhamento será composto essencialmente por “estrelas contemporâneas”, mas o promotor garante que o legado de 1969 não será esquecido e que os nomes presentes festival original serão representados e homenageados.

“O festival original em 1969 foi uma reação da juventude daquele tempo às causas pelas quais nos sentimos compelidos a lutar – direitos humanos, direitos das mulheres, movimento antiguerra – e deu um lugar à nossa missão de partilhar paz, amor e música”, disse Lang num comunicado citado pela Reuters.

“Hoje em dia, estamos a viver divisões semelhantes no nosso país, e uma coisa que aprendemos foi que a música tem o poder de unir as pessoas. Por isso, é tempo de trazer o espírito de Woodstock de volta, envolvermo-nos e fazer com que as nossas vozes sejam ouvidas”, acrescentou.

No entanto, a iniciativa de Lang conta com concorrência. Em Dezembro, os atuais proprietários do espaço onde o Festival de Woodstock se realizou em 1969, na localidade de Bethel, anunciaram que também vão celebrar o 50.º aniversário de Woodstock com um “festival intergeracional” marcado para os mesmos dias de agosto.

Em 1969, mais de 30 artistas – incluindo Jimi Hendrix, Janis Joplin, The Who, The Band e The Grateful Dead – atuaram perante cerca de 400 mil pessoas sob o lema de "paz e música".


por Reuteurs e Público | 10 de janeiro de 2019
Notícia no âmbito da parceria Centro Nacional de Cultura | Jornal Público

Agenda
Ver mais eventos
Visitas
36,286,191